terça-feira, 5 de agosto de 2008

Voto x Mercado Financeiro

Vamos comparar, achei divertido:

Civilização: o voto é uma opção - o comprador tem o direito mas não a obrigação de exercê-la. Essa opção é dependente diretamente do strike price - correlacionado positivamente com a situação da economia e a qualidade dos candidatos disponíveis. Diria entretanto que a economia é mais relevante. Com algum esforcinho dá para precificar por Black-Scholes, basta pensarmos em outros parâmetros, engessarmos uns e outros e ta-ram, taí o preço da sua opção.

Barbárie: o voto é um forward (ou futures) - o comprador tem a obrigação de exercê-lo pelo preço estipulado. Forwards são relativamente simples de precificar - basta exponenciar o preço de hoje pela taxa de juros vezes o período de tempo. O negócio mesmo é achar o preço de hoje: alguém sabe quanto está custando uma dentadura completa???

Viu como somos simples financeiramente? Claro que forwards valem menos que opções, faz todo o sentido, mesmo para leigos. Sacaram?

2 comentários:

Funes, o memorioso disse...

Boa pergunta. Quanto custa uma dentadura?
Vendem-se dentaduras no mercado de opções?
Posso fixar hoje o preço da dentadura de que vou necessitar daqui a 10 anos?
E posso desistir da compra, se não vier a necessitar?
E se não desitir da compra, posso obter um descontozinho, retirando um ou dois dentes à dentadura que tenho que comprar?
Pode dar-me indicações sobre a evolução das cotações da dentadura no último ano, em Wall Street?

PATRICIA M. disse...

Funes, hehehehe. Voce vai morrer com todos os dentes na boca, darling, voce mora em pais de primeiro mundo. Para que quer comprar uma opcao de dentadura?

Mas olha, no Brasil o mercado de dentaduras eh hot. Esta assim, o', de gente que usa dentadura. Politico adora trocar dentadura por voto.