quinta-feira, 3 de abril de 2008

Alitalia, Itália e Brasil

Para entender a verdadeira essência do homo latrinus...

Chamadas:

- Segunda pior economia da União Européia (eu tremo só de pensar qual é a pior, tenho quase certeza de que é Portugal);
- Nação afundada em dívidas (maior que o GDP);
- Candidatos a presidente do país (tanto direita quanto esquerda) só fazem promessas absurdas;
- Tem um nacionalismo para lá de barato: o governo já tirou a Alitalia da bancarrota por 2 vezes e agora se recusou a vender esse vexame para a Air France-KLM, só porque não são italianos.

A frase que resume tudo: "Italy is the land that resists change,'' said James Walston, a professor of politics at Rome's American University. ``Everyone complains, but in the end no one is willing to undergo the sacrifices necessary: for Alitalia it's the job cuts, for the economy it's the public spending it just can't contain.''

Te lembra algum outro povo, alguma outra empresa aérea??? Heim???

3 comentários:

Blogildo disse...

Será que a raiz de todos os males está na 'latinidad'?

PATRICIA M. disse...

Blogildo, nao sei. So estou publicando fatos. Cada um que tire suas proprias conclusoes.

Nao digo que seria a raiz, mas o modus operandi latino e geracao de riqueza (em termos de pais) definitivamente nao combinam.

Posso ate dizer: correlacao negativa!!!

Cláudio disse...

Não se você conhece essa animação:

http://tcc.itc.it/people/rocchi/fun/europe.html