quarta-feira, 15 de agosto de 2007

Ui, Essa Doeu!

O Lula sempre se faz de ignorante, mas nessa declaracao pegou pesado. Acho que seria melhor se continuasse com a desculpa do "nao sei de nada, nunca me contaram, me trairam".

Da AE - ""Isso é um assunto que o Senado poderia ter resolvido em uma semana. Não resolveram. Não resolveram porque queriam criar caso. É o típico caso do quanto pior, melhor", afirmou o presidente. Lula negou que o governo esteja fazendo qualquer articulação em torno da sucessão de Renan. "Não estamos nos mexendo. Essa é uma questão do Senado. O que estou vendo pela imprensa é que o Renan apresenta documentos em sua defesa e não aceitam", concluiu."

Vamos por partes. Concordo com ele quando diz que o Senado poderia ter resolvido o assunto em uma semana: bastava deixar de ser conivente com o Renan Calhorda e bota-lo para fora a pontapes. A segunda parte da frase eh ridicula, simplesmente. Querem criar caso?

Depois, ele defende Renan!!! Diz claramente: Renanzinho, o injusticado, mandou documentos mas os feios chatos nao querem aceitar. Ah, assim nao da para brincar mais, fala serio. Lulla, descola do Renan Calhorda, que ele ja foi para o beleleu. Vai eh te puxar junto para o buraco, tomara, Deus me ouca, ai quem dera...

14 comentários:

Blogildo disse...

O Lulla consegue sugerir uma coisa e seu contrário numa única fala.

No começo parece que ele tá entregando Renan às hienas. Depois dá um chega pra lá nas hienas e afaga Renan.

Não é brincadeira não!

Funes, o memorioso disse...

Gosto do nome Renan Calhorda.
Acho que vou usá-lo num futuro pseudónimo.
Também gosto de Toninho Malvadeza e Fernandinho Beira-Mar.
Se um dia o Brasil tiver o mesmo nível que os nick-names das suas personalidades, será seguramente a maior potência do mundo.

PATRICIA M. disse...

Funes, somos um povo extremamente criativo. Mas paramos ai. Sabemos fazer chacota como ninguem, mas na hora de pegar no pesado, de trabalhar... Ai que canseira, haha.

Blogildo disse...

O Brasil é o Macunaíma do mundo! Certo, Patrícia?

PATRICIA M. disse...

Blogildo, correto. Somos os palhacos. Se os paises personificassem e adotassem cada qual o que melhor sabem fazer na vida, nos poderiamos nos candidatar a bobo-da-corte, a dancarina, a amante, a todas essas profissoes que nao requerem muito esforco intelectual e nem mesmo fisico. Somos o povo alegre, sabe como? So sabemos fazer isso, infelizmente.

Costajr disse...

Ei, pera lá! Quem disse que ser dançarina ou amante não requer esforço físico?

Somos, para minha tristeza, lenientes com a corrupção, com a desfaçatez, não consideramos essas coisas impróprias.

Daniel F. Silva disse...

Onildo, esse é o duplispensar lulista (refiro-me ao primeiro comentário). Ou seja: voltamos ao tempo, de 2007 para 1984 segundo Orwell.

E o presidente ainda conseguiu arranjar um "assessor antivaias": quando Lula é vaiado ou ouve o que não quer, quem surge para socorrê-lo? Ele, o SuperCabralzinho!!!!!

Anônimo disse...

Patricia,
Você não vai fazer nenhum comentário sobre as crises das bolsas?

PATRICIA M. disse...

Anonimo, tenho um na agulha, mas ainda nao tive tempo livre de realmente melhora-lo. Vamos ver se publico esse fim de semana. Mas se vc eh petralha, nao vai gostar, hahaha.

A Furiosa disse...

E a comparação do bolsa-família com as bolsas de doutorado?

Inacreditável!!!

Fábio Mayer disse...

Afinal, ele defende ou não o Renan?

É aliado ou não?

O negócio é que o caso Renan atrapalha a causa maior, a GRANA, ou seja, a renovação da nefasta CPMF!

Olha, Patrícia. Óbvio que respeito sua opinião e ela está lá publicada, e a considero, mas acho blogagens coletivas algo legal,são importantes, pelo menos para mim, para conhecer pontos de vista diversos sobre o mesmo assunto.

PATRICIA M. disse...

Fabio, beleza! Eu continuo achando blogagem coletiva a maior perda de tempo. Estivessem voces organizando passeatas tambem, eu daria a mao a palmatoria. Mas acho blogagem coletiva algo como "para ingles ver", sabe... Nada pessoal.

Anônimo disse...

"Mas se vc eh petralha, nao vai gostar, hahaha".
Eu adoro seus posts. Eu nunca me diverti tanto na vida :-) Os programas humorísticos estão muito fracos hoje em dia.

PATRICIA M. disse...

Anonimo, pode rir à vontade, hehe. Enquanto nao desejar que avioes caiam na minha cabeca, xingar a minha mae ou me ameacar de terrorismo cibernetico, o resto esta valendo.