terça-feira, 21 de agosto de 2007

Eco, De Novo

Esse artigo confirma minha suspeita de que os verdes estao mais para vermelhos do que qualquer outra coisa. Eh comprido mas vale a pena le-lo.

Veja esse trecho:

"Os ecólogos tentam minimizar o impacto humano com profissionalismo, porém os ecologistas culpabilizam o ser humano seguindo os interesses econômicos que os levaram à política. Os que ontem criticavam a monocultura da cana-de-açúcar em Cuba, porque era colonialista, hoje a bendizem. Hoje, essa mesma monocultura pertence a um governo comunista e por isso só já é bom. Se o álcool, como combustível ecológico, é promovido por Bush, é imperialista; porém, se é promovido por Lula, então é um magnífico produto ecológico de primeira necessidade."

Lembrei-me de um artigo que li recentemente na imprensa sobre o MST: estavam comemorando uma milionaria ajuda do governo petralha à organizacao. Ajuda essa que serviria para plantar a materia-prima do biodiesel. Esses mesmos energumenos queimaram toda uma plantacao de eucaliptos em um assentamento gaucho porque diziam que so iriam produzir alimentos, e nao papel... Tsc tsc tsc, espero mesmo que esses bandoleiros assassinos e ladroes bebam mesmo *muito* biodiesel. Se forem como o mestre cachaceiro, vao querer mais eh plantar a boa e velha cana de acucar...

5 comentários:

Frodo Balseiro disse...

Patricia
Ecologistas me tiram do sério.
Pelo seu raciocínio, a humanidade deveria "desinventar" o fogo, deveriamos todos voltar às cavernas, comer titrica pela raiz, disputar nacos de Mamute no porrete, "conquistar" nossas mulheres puxando-as pelos cabelos!
Os eco-chatos fazem parte da categoria "moderna" de pessoas, que só milita! Não trabalham, não tem uma profissão, passam suas vidas protestando, enchendo o saco, pois não tem nada mais a fazer!
São fieis ao seu único valor importante.O Atraso! Vapor, eletricidade, e principalmente a tecnologia são os inimigos a serem atacados. Talvez seja por isso que são tão parecidos com os babaquaras da esquerda! Dogmáticos, e ignorantes.

Cláudio disse...

Patricia: off topic, mas acho que isto pode te interessar.

http://news.bbc.co.uk/2/hi/uk_news/6958220.stm

Suzy disse...

Patrícia, o MST, braço armado do PT, acabou de invadir a sede da Vale do Rio Doce!
Essa turma de "ecologistas" saqui a pouco vai querer criminalizar a nossa respiração, hehehe
Esquerdopatia é uma doença perigosa, amiga.

Ricardo Safra disse...

Cara Patrícia,

Outro dia estava conversando com um professor e nós levantamos a seguinte observação quanto à batalha do ECO (Ecologia X Economia): o Brasil deve seguir a cartilha das monoculturas ou aproveitar melhor a quantidade de terras disponíveis para diversificar as culturas e, com isso, potencializar ganhos futuros sem comprometer o meio ambiente?

É claro que, mesmo sendo eu um simpatizante ecoanarquista, não sou cego e acredito que o Brasil deve sim capitalizar seu espaço físico, mas sem agredir a natureza que será a sustentação econômico-financeira da nação em um futuro não muito distante. Mas vamos ver quem é que vencerá a guerra.

Um abraço,
Ricardo Safra, estudante de Geografia

Funes, o memorioso disse...

1- Pois eu repito o que já disse aqui: gosto do Umberto Eco.

2- Em Portugal realizou-se há dias o "Ecotupia 2007", um encontro europeu de ecologistas. O encontro virou escândalo nacional, porque o grupelho dos ecologistas, perante a absoluta passividade das forças policiais presentes no local, invadiu uma propriedade privada e destruiu a plantação de milho transgénico que lá se encontrava.
A mim, isso não me choca absolutamente nada.
O que me choca é que os moços foram até à tal propriedade de bicileta.
Ora é sabido que as biciletas são compostas por metais pesados, absolutamente intoleráveis, são cromadas nas indústrias mais poluentes da água que existem, têm pneus que são uma praga ambiental, levam correntes cheias de óleo que é um puro veneno para a natureza. Além disso, iam vestidos com roupas sintéticas. E - escândalo dos escândalos! - iam calçados.
Como é que tipos que se dizem ecologistas podem andar de bicleta, vestidos e calçados?
Como é que se atrevem a andar em público com o polegar oponível?
Não é o polegar oponível a fonte de toda a poluição? Não é com as mãos que iniciamos todo o processo de destruição da natureza?

3- Pergunta: é verdade, como li há dias algures, que a Amazónia - com todos os seus animais e com todas as suas plantas que mal vêem a luz do dia - é mais produtora de CO2 do que de oxigénio? É mais poluidora do que despoluidora?