quinta-feira, 8 de março de 2007

Homo mulieribus

Eu nao resisto... Ja recebi os parabens por ser mulher. Alguem poderia me explicar? De preferencia com desenhos, como diz o Reinaldo Azevedo? Por que estao me dando parabens? Eu nao fiz nada para merecer os parabens de ninguem. Hoje NAO eh meu aniversario...

Eh constrangedor na minha opiniao ficar recebendo parabens por NADA, por algo que NAO se fez. So por que eu nasci mulher? Mereco parabens por esse fato? Quanta hipocrisia...

Mais um dia instituido a troco de nada, para lembrar os politicamente corretos de que existem mulheres no mundo e a elas se devem dar parabens nesse dia. Fora isso, nada mudou. Alguem ai preocupado com a matanca de meninas recem nascidas na China e na India? Alguem ai preocupado com a mutilacao de orgaos genitais femininos na Africa muculmana? Alguem ai preocupado com a semi-escravidao da mulher nos paises arabes?

Se a resposta for sim, entao deve-se pensar em ACAO. Nao em instituir datinhas para se comemorar... Para se comemorar a banalidade e a hipocrisia...

PS: homenagem `a Hillary, esse bulldozer enlouquecido, chorem de rir nessa opiniao publicada pelo The Nation... Vi ontem na Fox News que ela ate mudou o sotaque, para conquistar os eleitores sulistas... Ela que achava o sotaque do sul tao... caipira... :-)

11 comentários:

Blogildo disse...

YEAH! PATRICIA ROCKS!

Blogildo disse...

Na boa agora! Rsrsrs!

O movimento feminista teve lá seus méritos. Também acho um tanto exagerado ter uma data com esse título.
Mas havia mesmo uma certa mentalidade machista no Ocidente. Felizmente não existe mais. Quer dizer, existe mas não morde mais!

Concordo plenamente que quem promove o dia internacional da mulher - gente de esquerda na maior parte dos casos - não tá nem aí para os abusos cometidos nos países e culturas que você citou.

Ou seja, é fácil falar em dia da mulher no Ocidente cristão. Quero ver falar disso na China e nos países do Islã.

Mas deve ter tido algum progresso advindo da queima dos sutiãs. Não teve?

Patricia M. disse...

Blogildo, teve sim. Logico que teve. Nao eh porque nao gosto do dia internacional das mulheres eh que nao vou reconhecer o valor de cada uma das sufragistas americanas e inglesas, por exemplo. So duvido que essas senhoras aprovariam a instituicao do dia. Banalizou. Como voce mesmo disse, isso so eh comemorado no mundo ocidental, onde praticamente ja temos todos os direitos garantidos. Eh sempre muito falatorio e pouca acao de verdade. O mundo precisa de pessoas praticas, nao de teoricos. E detesto essa politica de "diversidade". As empresas (americanas, principalmente) nos tratam como um grupo a parte. "Quantas mulheres temos em cargos de direcao?" "Ih, precisamos promover mais mulheres, senao vai pegar mal...". Eh isso que realmente queremos? Cotas?

Fábio Max disse...

Finalmente alguém que pensa como eu!!!

Veja para que se presta uma data assim aqui na Bananândia: Um grupo de deputadas estendeu uma faixa na Câmara dos Deputados, onde escreveram algo como "BUSH, você não é benvindo!".

Daí disseram ser mulheres e representarem as mulheres brasileiras, como se todas as mulheres brasileiras fossem desocupadas como elas e não dependessem de empregos em multinacionais.... norte americanas!!!

Ora vejam!

Esss datas são demagógicas...

Costajr disse...

Otacílio Batista, poeta popular do nordeste, escreveu e depois Zé Ramalho publicou:

"A mulher, tem na face, doi brilhantes/ condutores fiéis de seu destino/quem não ama o sorriso feminino/desconhece a poesia de Cervantes/

A bravura dos grandes navegantes/enfrentando a procela em seu furor/se não fosse a mulher, mimosa flor/a história seria mentirosa.

Mulher nova, bonita e carinhosa/ faz o homem gemer sem sentir dor.

Esses versos, para mim, exaltam as principais virtudes de uma mulher!

Catellius disse...

"Ja recebi os parabens por ser mulher."

Bom, eu dei parabéns pelo dia internacional da mulher, não pelo fato de você ser mulher. Isto significa que é um dia em que são lembradas as lutas pela igualdade de direitos entre os sexos - que está longe de ser uma realidade na maior parte do planeta - cujos frutos você colheu sem se dar muita conta de que muitos tentaram destruir o pomar. Nem sempre Nova Iorque foi o cenário ideal para Sex and The City (ô série chata).

"Quanta hipocrisia..."

Ué, fui hipócrita porque lhe dei os parabéns?

"Mais um dia instituído a troco de nada, para lembrar os politicamente corretos de que existem mulheres no mundo e a elas se devem dar parabens nesse dia."

No dia 08 de março de 1857, as operárias têxteis de uma fábrica de Nova Iorque entraram em greve ocupando a fábrica para reivindicarem a redução de um horário de mais de 16 horas por dia para 10 horas. Estas operárias, que recebiam menos de um terço do salário dos homens, foram fechadas na fábrica, que foi incendiada. Mais de 130 mulheres morreram queimadas.
Em 1908, no mesmo dia, quase 15 mil mulheres marcharam nas ruas de sua sexy city Nova Iorque para reivindicar o mesmo que as operárias no ano de 1857, bem como o direito de voto. Hoje você gosta de votar, não é Patrícia? Caminhavam com o slogan "Pão e Rosas", em que o pão simbolizava a estabilidade econômica e as rosas uma melhor qualidade de vida.
Em 1910, muito antes do seu "politicamente correto" reinar, numa conferência internacional de mulheres realizada na Dinamarca, foi decidido, em homenagem àquelas mulheres, comemorar o 8 de Março como "Dia Internacional da Mulher", entendido como "dia em que se lembra (oficialmente) da luta pela igualdade de direitos entre os sexos", que é até um modo de manter o tema sempre vivo, para evitar que a luta não afrouxe. Mas a luta continua nos outros dias do ano.

"Alguém ai preocupado com a matança de meninas recém nascidas na China e na Índia? Alguém ai preocupado com a mutilação de órgãos genitais femininos na África muçulmana? Alguém ai preocupado com a semi-escravidao da mulher nos paises árabes?"

Você ficou sabendo disso indo até lá ou lendo textos de pessoas que se preocuparam com isso e acabaram passando a preocupação para os ex-misóginos-cristãos-queimadores-de-mulheres daqui do ocidente?

"Não em instituir datinhas para se comemorar...Para se comemorar a banalidade e a hipocrisia..."

A datinha não é para comemorar mas para lembrar e para conscientizar, para refletirmos.

Bom, retiro aqui meus parabéns. Inúmeras mulheres os aceitaram de bom grado, sem me chamarem de hipócrita, ainda que indiretamente. Claro que escrevi "Sei que os outros 364 também são de vocês, mas hoje é o oficial!" para descontrair, como uma piadinha lugar comum. Mas deixa para lá.
Abraços

PATRICIA M. disse...

Ei Catellius, nao estava me referindo a voce... Nao fica bravo! :-)

Lembra do senso de humor?

Eu nao TE chamei de hipocrita, chamei a sociedade politicamente correta de hipocrita... Nao quis TE ofender. :-)

PEACE!

Blogildo disse...

ex-misóginos-cristãos-queimadores-de-mulheres??? Surtou, cara?

Já esqueceu que os seus adorados gregos e os romanos é que matavam bebês meninas e que foi o cristianismo que inicia o respeito a mulher no Ocidente? Fala sério, Catellius!

Catellius disse...

Terms of peace accepted. We lay down our utensils. :)
Contestar é sempre bom. Contestar a contestação melhor ainda, he he.
Lembrem-se que quando a data foi instituída, quase 100 anos atrás, não existia esse negócio de politicamente bonitinho. A coisa é séria.
Abraços

PATRICIA M. disse...

Animos acalmados... Voces que frequentam o blog ja devem ter reparado que gosto de ver o circo pegar fogo, literalmente. Esta queimando? Vamos por mais lenha na fogueira! :-) Tenho ate a impressao de que acharia o incendio de Roma por Nero um dos espetaculos mais bonitos que ja aconteceram... Hahahaha brincadeira. Mas como voces dois ai ja escreveram em seus respectivos blogs, aqui vale a mesma coisa, nao me levem tao a serio nao, se eu mesma nao me levo, ok? A vida se levada a ferro e fogo perde tanto da graca!!!...

Bom fim de semana!!!!

gilrang disse...

m.,

i waited until that day was gone by to write my comment.

ok! dear... you can become passionate on that. you have all the rights... you are a hundred per cent right to call that day out. you do not want to be congratulated for it. i agree with you. it is not one special day which will change things much. women are still considered in many parts of the world as a second class human being, at most, when they are considered human beings at all...

for all these reasons (and a lot more, ones i shall not pull up hereby now), i wished to congratulate you for the other 364 days of the year, if you pea-lease...