segunda-feira, 30 de julho de 2007

So Long, Bergman!

Bergman tomou o xeque-mate final... Uma grande perda para o cinema de qualidade.

7 comentários:

Anônimo disse...

É a primeira e única vez que eu tenho que concordar com uma opinião
sua. Pena que você se dedique à causas equivocadas. Quem assistiu Bergman, deveria ter dado um salto de qualidade.Se não assistiu aínda é tempo. Também é tempo para deixar de ser refém das idéias dementes da direita preconceituosa e rancorosa e agora "cansada". Cansou? Vai assistir Bergman.
Receita para curar os "cansados" de tanto tentar derrubar Lula.

PATRICIA M. disse...

Já vi todos os clássicos de Bergman, darling.

Sou direita mesmo e com orgulho, desde o berço até o túmulo. Acontece que no Brasil nem direita há, então sou uma órfã. Não preciso te dizer que sou totalmente a favor dos Republicanos aqui nos EUA, como serei a favor dos Tories na Inglaterra. Vá ler seus bloguinhos vermelhos, vá.

Anônimo disse...

xeque-mate é sempre final
não há mais jogo após o xeque-mate

Frodo Balseiro disse...

Patrícia
Além de tentar derrubar Lulla, a missão de todas as pessoas inteligentes e preparadas é espalhar o conhecimento! Conhecimento que Mulla despreza por Apedeuta que é.
Quanto à notícia da morte de Bergman, Mulla deve ter dito: "Bergman, o que é?"
Lulla não teve as inquietações expostas em "Fanny e Alexander", ou perdeu o fôlego com as chocantes descobertas a que somos remetidos em "Morangos Silvestres"!
Bergman tinha a perplexidade das pessoas especiais! Não tinha as respostas, tambem ele se sentia sufocado pela incomunicabilidade, a passagem do tempo, o amor e o sexo, e principalmente a morte!
"Gritos e Sussurros" é para mim a obra corolário! Tão difícil, e ao mesmo tempo tão tocante.
Realmente é coisa para gente muito especial
Por isso não entendi o que tem a ver o Mulla com tudo isso!
Ele é a antítese de Bergman!
Tem a sensibilidade de um Gambá, a sabedoria de uma Lhama!
Desculpe ter falado nele!
Abs
Frodo

Funes, o memorioso disse...

E agora, também, Antonioni.

Blogildo disse...

Bergman é bom. Mas não bom o bastante para curar a burrice de esquerda!

PATRICIA M. disse...

Blogildo, burrice e esquerda sao sinonimos. Hahaha.