quarta-feira, 24 de janeiro de 2007

Copom x PAC

E o Copom reduziu os juros em apenas 0.25 pontos percentuais. O mercado esperava exatamente essa reducao. Acho que isso manda uma boa mensagem para a turminha do Lula. Henrique Meirelles nao atendeu aos pedidos para la de ridiculos do Guido Mantega. Esta certo, tem que mostrar ao mundo que o Banco Central eh independente dos pacotinhos insipidos e apocalipticos do Executivo.

Ja estou lendo um monte de baboseira a respeito disso. Eh deputado petista reclamando, eh Paulo Skaf da FIESP reclamando, eh o brasileiro ignorante reclamando. So nao li ainda a reclamacao do vice presidente, Jose de Alencar. E agora Jose, nao vai botar a boca no trombone?

Engracado mesmo eh ver a justificativa deles. A pior: como o COPOM nao caiu 0.50%, o PAC nao vai dar certo. Mas eh logico que nao vai mesmo, e nao tem nada a ver com a taxa de juros praticada. Senao vejamos: a queda da taxa de juros somente sera sentida pelo mercado em pelo menos 6 meses. Significa que metade do ano ja tera transcorrido. Nao ha milagres na economia. E as coisas nao acontecem imediatamente como querem alguns.

Seria a cronica de uma morte anunciada? Ou uma profecia auto-realizavel? Todo mundo com um minimo de inteligencia e bom senso sabe que o PAC nao vai dar certo mesmo, mas no momento atual, alem de enganar a populacao, precisam encontrar um bode expiatorio. Estou achando que esse bode se chama Henrique Meirelles...

11 comentários:

Ricardo Rayol disse...

O PAC nasceu torto e nati-morto. São tantas as objeções que fico pensando que realmente o seu autor é petista.

Blogildo disse...

Eu acho que há uma lógica macabra. Dividir para governar. Eles - os Morlocks - se dividem entre os "responsáveis" e irresponsáveis. Assim, com uma facção atraem os liberais de meia-tigela e com a outra continuam com seu projeto macabro de poder.
Dá nojo.

O PAC(derme) não vai andar por que interessa a facção dos irresponsáveis culpar a facção dos responsáveis.
Macabro!

Bjs!

DELETADO disse...

Fofa, será q o Meirelles tomou essa decisão em conluio com o governo ( e para manter seu posto tão ameaçado) justamente para se tornar "culpado" do fracasso óbvio do PAC?
Sei lá, eu não confio em ninguém lá em cima. Diga-me com quem andas e te direi quem és!
Adorei a aula e fiquei triste qd vc disse q qualquer medida economica só se sente o resultado após 6 meses!!!!!!
OH CÉUS!!!
Tô frita!!!

Costajr disse...

Os juros caíram apenas 0,25, poderia ter caído 2,5 e não salvaria o PAC. O tal pacote é antes aposta, torcida, que estratégia de desenvolvimento.

Serão mais 4 anos, será?, de frustração. Crescimento pífio e loas à estagnablidade.

um abraço

Anathalia disse...

Oi Patrícia!
Obrigada pela "recepção" calorosa.
É bem verdade que pra quem fica tudo é mais difícil.
E se eu precisar vou gritar mesmo! hahaha
Um abraço!

gilrang disse...

m.,

a pitty english is not a good an idiom to talk about pac. actually, portuguese neither, nor economese... it didn't come to solve problems, but to postpone them. it doesn't mean to equate solutions, but to put more unknowns in the equations...

even your best computer-mower elephant-rider can't simulate the chaos this goddamned administration is turning the country into... to us, to the people who can really think and see in the havoc, the people who can understand napoleon's glance and will, the sole feeling allowed is disbelief... we're being guided to the deepest bottom as shepherds... some know where we're going to, many don't... and, for those knowing it, life has become unbearable...

i'm glad, dear, you won't be here to mourn us...

Eleitor disse...

Olá Mineirinha:
Ocê vai Bem? Fazia um tempinho que eu não vinha ler o seu Blog para uma futura homenagem como eu havia prometido. Confesso que fiquei impressionado com a sua carinha na fotinho.Juro que eu pensava que você fosse gorducha, feia e miope. Como eu estou cordial, gostaria de elogiar a mudança de estilo. Do xingamento para a apresentação de argumentos. Já é algum avanço. Embora não concorde com nenhuma idéia sua. Saudações do inimigo

Patricia M. disse...

O Eleitor achava que eu era como suas amigas petralhas... Se enganou... :-)

Suzy Tude disse...

Patricia, eu penso o seguinte: no Brasil não existe na prática, a independência do Banco Central. O BC é governo. Isso quer dizer que apesar de qualquer "discurso" sobre a taxa de juros feita por qualquer um delles, não passa de jogo de cena Nem elles acreditam no PAC porque sabem que isso nada mais é que mais uma peça de marketing, inclusive para dar sustentação ao projeto de poder da esquerda. Ou seja, Lula usa o PAC para dar continuidade ao conchavo que leva ao partido único (PT) e prepara a encenação de sua "reeleição" em 2010 à la Chavez.
Quanto à pergunta que você me fez, os movimentos estão representados pelo Instituto Liberal e outros. Mas se você tem orkut, pode ter boas pistas por lá. Só tenha cuidado porque naquele meio também tem muito lixo.

Beijos

Daniel F. Silva disse...

Eu já vi esse filme. E o mocinho (no caso, a população brasileira) sempre morre no final.

André (Brasília) disse...

Olá. Vi q vc concordou comigo na área de comentários daquele site (Pugnacitas) sobre não ter sentimento de culpa por ter uma vida melhor. Sou formado em direito e também gostaria de viver no Exterior, quem sabe um dia.

Sempre fui fã de James Bond, mas esse último realmente é muito superior, por todas as coisas q vc apontou. No meu blog há alguns posts c/ cuiosidades sobre o filme e os atores. E estou viciado naquela música do Chris Cornell...

O q mais há na classe média são analfabetos funcionais. É por isso q ela se chama média.